Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Alex Rafacho

Ciências Biológicas

Fisiologia
  • impacto da exposição a pesticida organofosforado sobre a gestação, no pós-termo, nos fetos, e na prole adulta de ratos: busca por mecanismos de ação
  • Os pesticidas organofosforados estão entre os compostos mais empregados na agricultura e o seu uso em larga escala tem contribuído para a poluição ambiental e risco à saúde, incluindo casos crônicos e agudos de intoxicações, tanto em animais quanto em humanos. Estudos prospectivos sugerem uma relação entre a exposição direta ou indireta a pesticidas organofosforados, e.g., malathion, com o desenvolvimento de obesidade e diabetes mellitus tipo 2 (DM2) em indivíduos adultos. Em paralelo, tem sido demonstrado que a exposição a insultos diversos, como os poluentes ambientais, em períodos críticos do desenvolvimento (e.g., pré- e pós-natal), podem influenciar negativamente no peso corpóreo bem como resultar em disfunções metabólicas em períodos tardios da vida. Neste sentido, destacam-se as substâncias derivadas de atividades industriais, químicas, com potencial de causar desequilíbrio, interferência ou alteração no sistema endócrino, também denominados como disruptores endócrinos, entre os quais estão incluídos os pesticidas organoclorados e organofosforados. A exposição à tais compostos químicos durante períodos críticos do desenvolvimento podem ter efeitos permanentes e irreversíveis, com sérios impactos sobre a saúde durante a infância e a adolescência, e até mesmo para as futuras gerações, por meio de mecanismos de herança epigenéticas. Estudos preliminares obtidos em nosso laboratório revelaram um efeito tardio do malathion durante a gestação. Demonstramos que a ingestão de malathion por 21 dias, em período anterior ao início da gestação, resultou em marcante intolerância à glicose em ratas no período equivalente ao início do terceiro trimestre da gestação, mas não imediatamente ao término do tratamento. Até o momento, porém, não há nenhum estudo pré-clínico ou clínico que tenha avaliado detalhadamente o impacto da exposição a pesticidas organofosforados sobre a homeostase glicêmica ao longo da gestação com o foco na gestante, muito menos acompanhando se os eventuais desfechos são reversíveis no pó-termo. Ainda, nenhum estudo se estende aos fetos e a prole adulta numa única proposta, o que dificulta a interpretação do impacto nos diversos estágios e indivíduos supracitados. Assim, objetivamos avaliar quais as alterações bioquímicas e/ou morfofisiológicas podem decorrer da exposição a esta classe de pesticidas e o quanto destas potenciais alterações podem afetar o metabolismo da prole (fetos e adultos). Uma entre várias hipóteses é de que a exposição ao pesticida malathion, por um período que anteceda a fecundação (e.g., contexto que mimetizaria a exposição ambiental de mulheres no período pré-natal), impacte negativamente sobre a homeostase glicêmica durante a gestação e permaneça inalterada no pós-termo. Também hipotetizamos que os desfechos murinométricos e bioquímicos nos fetos e na prole adulta estarão afetados por esta exposição materna ao pesticida. Num primeiro momento, repetiremos os experimentos com as prenhes a fim de finalizar essas abordagens preliminares e estenderemos todas as abordagens nas prenhes até 2 meses ao pós-termo. Num segundo momento, avaliaremos parâmetros murinométricos, bioquímicos e morfológicos nos fetos e na prole adulta (ambos os sexos). Por fim, buscaremos avaliar o efeito direto do malathion sobre parâmetros moleculares e eletrofisiológicos das células beta pancreáticas com o intuito de revelar possíveis mecanismos de ação do malathion.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alex Sander da Silva

Ciências Humanas

Educação
  • expressividades estéticas, decomposições imagéticas e constelações formativas em adorno e ŽiŽek
  • A ruptura com antigos parâmetros são realidades que se mostram cada vez mais presentes em nossa era de globalização capitalista. Estamos no limiar de um tempo em que, por um lado, se vislumbra a “apoteose” do progresso técnico-científico, com suas transformações organizativas, com seu caráter de transitividades do conhecimento. Por outro lado, nos deparamos com inúmeros aspectos problemáticos, que estão a gerar, em termos freudianos, um mal-estar civilizatório com guerras, fome, violência, crises em muitos graus e sentidos. A necessidade de reflexão para tais questões tornou-se uma marca central de uma educação atenta para com as problemáticas desse nosso tempo. Nesse horizonte, cabe algumas questões importantes: Como situar a educação no contexto dos problemas contemporâneos, tais como migrações, diversidades culturais, desigualdades sociais e políticas? Como pensá-la nesse momento em que floresce cada vez mais aspectos de barbárie civilizatória do que de emancipação humana? Que rumos podemos pensar para auxiliar na constituição formativa dos sujeitos contemporâneos? Desse modo, o presente projeto de pesquisa pretende se situar no âmbito das discussões atuais sobre os rumos da educação contemporânea num contexto de constituição de sociedades cada vez mais plurais e complexas. A proposta diz respeito em aproximar-se dos estudos sobre os atuais problemas civilizatórios, e de sua interferência direta ou indiretamente nas orientações teóricas-educacionais, a partir de um olhar descentrado do ponto de vista da produção do conhecimento educacional. O que isso significa? Significa buscar orientações teórico-metodológicas que possam indicar caminhos formativos na atualidade numa perspectiva ampla de análise e reflexão. A necessidade de reflexão para tais aspectos torna-se uma necessidade para situar a educação no horizonte dos problemas contemporâneos. Bem como, no modo de pensá-la nesse momento em que floresce cada vez mais aspectos de uma crise de referências do que aspectos consolidados de emancipação humana. Nesses termos, colocamos a seguinte problemática de pesquisa: Qual a potencialidade da expressividade estética na perspectiva da Teoria Estética de Theodor W. Adorno? E, em que sentido pode‐se associar o tema da expressividade estética de Adorno com a noção de paralaxe do filósofo Slavoj Žižek? Como ambas perspectivas contribuem para formulações de proposições para uma educação atual. Nesses termos, objetivo central da pesquisa é analisar obras Teoria Estética de Adorno (2007) e A visão em Paralaxe de Žižek (2008) em suas dimensões de indeterminação, justamente, como potência crítica para formação/educação na sociedade contemporânea. As obras desses filósofos têm alcances distintos, porém, serão interconectadas nessa pesquisa como mote de abertura para compreender as alterações e desafios da sociedade contemporânea. As experiências educativas, tomadas unicamente como meio e fim em si mesmas, tornam-se impedimentos à própria formação cultural, uma vez que ela mesma requer espontaneidade, imaginação e criatividade. A relação da educação com o tempo e o espaço pode diferenciar-se da rapidez do consumo e da maquinaria do mundo, pois este impede e controla a imaginação necessária à própria experiência formativa numa configuração somente de meios e fins. Nesse sentido, é possível pensar a educação como formação cultural se considerarmos as expressividades estéticas e suas decomposições imagéticas capazes de sistematizar experiências cumulativas dos sujeitos educativos (professores e alunos), de modo que sua compreensão da realidade ultrapasse o mero uso de esquemas conceituais pré-definidos no fazer educativo.
  • Universidade do Extremo Sul Catarinense - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alex Sander Souza do Carmo

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • os efeitos da internet no comércio internacional brasileiro: uma análise para produtos homogêneos e diferenciados
  • a partir dos anos noventa, com a popularização dos computadores pessoais, e mais recentemente, com a chegada dos smartphones, tablets, entre outras tecnologias de comunicação, a internet se popularizou no Brasil e no mundo, alterando profundamente a maneira com que as pessoas trocam mensagens, adquirem conhecimento, fazem amizades ou realizam as suas compras de produtos ou serviços. Apesar da internet fazer cada vez mais parte do cotidiano das pessoas e das empresas, praticamente, não existem estudos que analisam os efeitos da internet na economia brasileira, em especial, sobre o comércio internacional. Dessa forma, tendo como meta preencher essa lacuna, o presente projeto de pesquisa se propõe a analisar os efeitos da internet sobre o comércio internacional brasileiro, de produtos homogênes e diferenciados. A partir de um modelo gravitacional de comércio.
  • Universidade Estadual de Ponta Grossa - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alex Sandro Campos Maia

Ciências Agrárias

Zootecnia
  • viabilidade econômica e ambiental de estruturas de sombreamento com painéis fotovoltaicos para vacas leiteiras
  • A maior parte das 12 milhões de vacas leiteiras do rebanho brasileiro, que produzem 34 bilhões de litros de leite por ano, são manejadas a piquetes ou em confinamentos, enfrentando ao longo do ano condições de temperaturas do ar acima de 30°C e radiação solar superior a 800 W m-2 que causam estresse térmico, principalmente em animais de origem europeia e seus cruzamentos. O fornecimento de sombreamento artificial minimiza o estresse térmico melhorando o conforto térmico e o bem-estar dos animais, conforme mostraram vários trabalhos. No entanto, os custos de implantação de estruturas de sombreamento artificial tem sido a principal barreira para sua adoção. Inovar pode ser o caminho, gerando energia elétrica e sombreamento ao mesmo tempo para os animais utilizando painéis fotovoltaicos, pois o cenário é favorável. O preço dos módulos solares fotovoltaicos sofreu uma redução de aproximadamente 90% entre 2006 e 2016; a previsão futura indica uma queda anual por volta de 5,9%. Esse cenário torna a energia fotovoltaica viável e competitiva, além de ter as vantagens de ser renovável e não ter passivos ambientais. Assim, esse projeto quantificará (a) o impacto do sombreamento artificial utilizando painéis fotovoltaicos sobre o equilíbrio térmico de bovinos de leite (Holandês), (b) estimará a geração de energia elétrica dos painéis e (c) determinará a viabilidade econômica e os benefícios ambientais em se utilizar painéis fotovoltaicos para fornecer sombreamento artificial para a bovinocultura de leite brasileira. O impacto esperado desse projeto de pesquisa é em fornecer ao setor produtivo uma nova opção de estrutura de sombreamento artificial que produz energia limpa e renovável, enquanto melhora o conforto térmico e o bem-estar de vacas leiteiras e aumenta a receita financeira da propriedade.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022