COAGR | VT - Medicina Veterinária

Ciências da Vida

CRITÉRIOS DE JULGAMENTO BOLSAS PQ - CA-VT
Vigência: 2018 a 2020
Atenção:
O preenchimento correto e atualização do CV Lattes são de responsabilidade do pesquisador, sendo fundamental para a análise das solicitações e transparência das decisões. Nessa plataforma há campos específicos para a informação de todas as atividades - inclusive as administrativas - e produções consideradas e pontuadas nas avaliações realizadas pelo CA-VT. Para evitar que atividades/produções sejam omitidas do processo de avaliação, recomenda-se que o pesquisador revise cuidadosamente e atualize o seu CV Lattes ao submeter cada solicitação.
1. Normas gerais
a) O desempenho do pesquisador será inicialmente avaliado por meio de indicadores de produtividade referentes aos últimos 5 anos. Os que atingirem classificação para bolsa PQ serão então reavaliados quanto a sua produção nos últimos 10 anos, para fins de classificação nos diferentes níveis.
b) Os indicadores incluem produção científica e tecnológica, formação de recursos humanos e participação em atividades editoriais e de gestão científica.
c) A qualidade da produção científica e tecnológica será avaliada de acordo com critérios internacionais.
d) Nos itens referentes à formação de recursos humanos (orientações e supervisões), serão consideradas apenas as atividades executadas como orientador/supervisor principal.
Importante observar que outros índices podem ser recuperados de bases de dados distintas como SCOPUS, Web of Science, INPI, CAPES, entre outras. Assim, cabe ao pesquisador manter suas informações registradas e atualizadas nessas bases.
A pontuação a ser utilizada na avaliação de artigos será:
Artigo publicado em revista com fator de impacto (ISI) acima de 2,001: 18 pontos;
Artigo publicado em revista com fator de impacto (ISI) entre 1,501 e 2: 15 pontos;
Artigo publicado em revista com fator de impacto (ISI) entre 1,001 e 1,5: 12 pontos;
Artigo publicado em revista com fator de impacto (ISI) entre 0,501 e 1,0: 9 pontos;
Artigo publicado em revista com fator de impacto (ISI) até 0,500: 4 pontos;
Artigo publicado em revista sem fator de impacto (ISI): 2 pontos (limite 1 artigo/ano).
2. Requisitos mínimos para os diferentes níveis para classificação no nível PQ-2
Para ser classificado nesse nível o pesquisador deverá satisfazer os seguintes requisitos no quinquênio anterior:
Critério 1 ¿ Mérito Científico
a) Ter publicado pelo menos 6 (seis) trabalhos científicos em periódicos com fator de impacto (JCR).
b) Ter concluída a orientação de pelo menos 1 (um) mestre ou doutor.
c) Estar orientando/supervisionando pelo menos dois pós-graduandos (mestrandos, doutorandos ou pós-doutorandos).
d) Produção científica (considerando regularidade e fator de impacto dos últimos 5 anos), (mínimo 50 pontos, baseados na pontuação por artigo). Adicionalmente, para classificação também são avaliados: livros: 15 pontos por livro; capítulo de livro (com ISBN): 3 pontos capítulo (com limite 3 pontos/ano) e patentes: 18 pontos.
e) Experiência na formação de recursos humanos. Formação concluída de iniciação científica (2 pontos por orientação concluída, com limite de 2 estudantes por ano), pós-graduandos (10 pontos por orientação concluída de mestre e 20 pontos por orientação concluída de doutor) e supervisão de pós-doutorando (20 pontos por supervisão concluída). Formação em andamento de pós-graduandos (5 pontos por orientação de mestre e 10 pontos por orientação de doutor) e supervisão de pós-doutorando (10 pontos por supervisão) (mínimo 50 pontos).
Critério 2 ¿ Mérito da Proposta
a) Qualidade da proposta baseada nos pareceres ad hoc.
Atingir classificação de acordo com o número de bolsas disponíveis nesta categoria.
2.2. Requisitos mínimos para classificação no nível PQ-1D
Para ser classificado nesse nível o pesquisador deverá satisfazer aos seguintes requisitos no decênio anterior:
a) Ter publicado pelo menos 20 (vinte) artigos em periódicos científicos, sendo pelo menos 12 (doze) em periódicos com fator de impacto (JCR);
b) Ter concluída a orientação de pelo menos 8 (oito) mestres e/ou doutores;
c) Estar orientando/supervisionando pelo menos dois pós-graduandos (mestrandos, doutorandos ou pós-doutorandos);
d) Atingir classificação de acordo com o número de bolsas disponíveis nestas categorias.
3. Comparações entre os pares da demanda
Considerando-se a oferta limitada de bolsas novas e/ou liberadas, serão utilizados como parâmetros de desempate para todas as categorias/níveis, os seguintes critérios, na seguinte ordem de prioridade:
a) Número de artigos publicados em periódicos com fator de impacto (JCR);
b) Número de orientações concluídas de doutorado;
c) Número de orientações concluídas de mestrado;
d) Número de supervisões concluídas de pós-doutorado;
e) Número de orientações de pós-graduandos em andamento.
4. Critérios para classificação nos níveis PQ Sênior
Para ser classificado nesse nível o pesquisador deverá satisfazer os seguintes requisitos, no decênio anterior:
a) Ter um perfil de produção científica e tecnológica, formação de recursos humanos e participação em atividades editoriais equivalente a PQ 1A ou 1B.
b) Atingir classificação de acordo com o número de bolsas disponíveis nesta categoria.
OBS: Todos os critérios acima definem as regras gerais praticadas pelo CA-VT. Entretanto, o Comitê poderá considerar situações excepcionais mediante justificativas bem fundamentadas.