pesquisa do dia

DESTAQUE EM CT&I

CNPq EM AÇÃO

Prêmios

ATUALIDADES

Inscrições Abertas até: 05/02/2021 no link

https://sites.google.com/unifei.edu.br/catedra1/in%C3%ADcio

I. OBJETIVOS DA CÁTEDRA DE EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA EM ENGENHARIA - PROJETO MOBILIDADE NACIONAL E INTERNACIONAL DE PROFESSORES/PESQUISADORES VISITANTES - ENTREPRENEURSHIP EDUCATION IN ENGINEERING VISITING FELLOWSHIPS,

 

A Cátedra de Educação Empreendedora em Engenharia - Mobilidade Nacional e Internacional de Professores/Pesquisadores é uma parceria entre a Associação Brasileira de Educação em Engenharia - ABENGE e a Universidade Federal de Itajubá - UNIFEI visando a capacitação e atualização de professores para promover e fomentar o desenvolvimento de novas ferramentas, técnicas, métodos, modelos, taxonomias e abordagens de ensino-aprendizagem e contribuir na ampliação e geração de conhecimento acadêmico, científico e empresarial no Brasil, no campo da Educação Empreendedora em engenharia.

Entre os objetivos da Cátedra de Educação Empreendedora em Engenharia - Projeto Mobilidade Nacional e Internacional de Professores/Pesquisadores Visitantes ¿ Entrepreneurship Education in Engineering Visiting Fellowships, destacam-se:

  • Fomentar a produção acadêmica e científica de novas abordagens, estratégias, metodologias, ferramentas e técnicas no campo da educação empreendedora em engenharia;
  • Incentivar o compartilhamento e trocas de experiências entre pesquisadores nacionais e internacionais no campo da educação empreendedora em engenharia;
  • Desenvolver rede de cooperação entre pesquisadores brasileiros e internacionais no campo da educação empreendedora em engenharia;
  • Contribuir para o desenvolvimento de competências e habilidades entre professores e pesquisadores brasileiros e internacionais no campo da educação empreendedora em engenharia;
  • Adensar a produção acadêmica nacional de alto estudos no campo da educação empreendedora em engenharia.

II.PERFIL DO CANDIDATO

Professores, pesquisadores e profissionais de empresas e demais organizações educacionais, portadores de diploma de graduação, especialmente àqueles ligados à Engenharia e áreas afins podem candidatar-se ao processo de seleção da Cátedra de Educação Empreendedora em Engenharia da Associação Brasileira de Educação em Engenharia ¿ ABENGE - Projeto Mobilidade Nacional e Internacional de Professores/Pesquisadores Visitantes ¿ Entrepreneurship Education in Engineering Visiting Fellowships.  O candidato deverá, preferencialmente, atuar profissionalmente na área de pesquisa pretendida. Portadores de diploma de outras áreas poderão ser admitidos, a critério da comissão avaliadora. Excepcionalmente serão aceitos certificados de conclusão de curso para candidatos que não tiveram seus diplomas expedidos.

III.VAGAS, CUSTOS E BOLSAS

Serão selecionados no presente processo 2 (dois) candidatos. A Cátedra de Educação Empreendedora em Engenharia da Associação Brasileira de Educação em Engenharia ¿ ABENGE - Projeto Mobilidade Nacional e Internacional de Professores/Pesquisadores Visitantes ¿ Entrepreneurship Education in Engineering Visiting Fellowships é gratuita e não oferece bolsa de auxílio financeiro aos participantes deste programa.

IV.ÁREA DE CONCENTRAÇÃO

A área de concentração da Cátedra é Educação Empreendedora em Engenharia. Os projetos/planos de trabalho devem convergir para somente 1 (uma) das temáticas relacionadas a seguir:

  1. Educação Empreendedora e Projeto Pedagógico de Curso em Engenharia;

 

  1. Abordagens, métodos, técnicas integradas para o desenvolvimento de competências e habilidades empreendedoras visando a formação do perfil do egresso em engenharia;

 

  1. Formação e Capacitação de Professores em Educação Empreendedora;

 

  1. Avaliação da aprendizagem/desenvolvimento de competências e habilidades em Educação Empreendedora; 

 

  1. Modelos, taxonomias, ontologias, abordagens e estratégias pedagógicas que facilitem a compreensão e entendimento, no processo de implantação e prática docente da educação empreendedora;

 

  1. Avaliação dos Egressos, Educação Empreendedora e Articulação Empresarial, como mecanismos e instrumentos que visem garantir a formação em engenharia;

 

  1. Educação Empreendedora, Sociedade 5.0 e Formação em Engenharia;

 

  1. Engenharia e a Universidade Empreendedora.

V.PERÍODO DE INÍCIO E TÉRMINO DE DESENVOLVIMENTO DOS PROJETOS/PLANOS DE TRABALHO DOS CANDIDATOS

Os Projetos/Planos de Trabalho deverão ser executados no máximo em 12 meses, com carga horária total mínima de 360 horas. A data de início da execução dos projetos/planos deverá ser em 02 de agosto de 2021 e término em 02 de agosto de 2022.

VI.LOCAL DE EXECUÇÃO DO PROJETO

Os candidatos aprovados desenvolverão executar o projeto/plano de trabalho no Instituto de Engenharia de Produção e Gestão da Universidade Federal de Itajubá ¿ Campus Sede em Itajubá.

O Projeto Mobilidade Nacional e Internacional de Professores/Pesquisadores Visitantes ¿ Entrepreneurship Education in Engineering Visiting Fellowships é vinculado ao Núcleo de Pesquisa de Dinâmicas Empreendedoras (NPDE) cadastrado no CNPq.

Serão disponibilizados instalações físicas e acesso à biblioteca, para a permanência do candidato aprovado na Cátedra de Educação Empreendedora em Engenharia, no Campus Sede da UNIFEI em Itajubá, ao longo da execução do projeto.

VII.CERTIFICADO

Os Projetos/Planos de Trabalho deverão ser executados no máximo em 12 meses.

Será concedido ao final da execução do projeto/plano de trabalho o certificado de ¿Professor/Pesquisador Visitante da Cátedra de Educação Empreendedora em Engenharia - Entrepreneurship Education in Engineering Visiting Fellowships¿.

VIII. DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA INSCRIÇÃO NO PROCESSO SELETIVO

Formulário de inscrição eletrônico preenchido https://sites.google.com/unifei.edu.br/catedra1/in%C3%ADcio anexando cópias digitais dos seguintes documentos:

  •  Cópia de documento de identidade (RG) ou passaporte para estrangeiros;
  •  Cópia do diploma de graduação (frente e verso) ou comprovação de colação de grau (certificado ou declaração);
  • Cópia do histórico escolar da graduação;
  • Cópia do certificado ou diploma de mestrado e/ou doutorado (frente e verso);
  • Cópia do CPF;
  • Cópia do Título de Eleitor;
  • Cópia de documento militar;
  • Cópia de certidão de nascimento ou de casamento.
  • Declaração de comprovação de recursos financeiros para manutenção de alojamento, alimentação e outras despesas durante o período de execução do projeto/plano de trabalho na Cátedra.
  • Declaração que o candidato tem disponibilidade de tempo para execução das atividades propostas no projeto/plano de trabalho.
  • Memorial Descritivo, elaborado conforme Anexo V constante deste edital.
  • Projeto/plano de trabalho para execução no âmbito da Cátedra, elaborado conforme Anexo II constante deste edital.
  • Comprovante de formalização com a instituição pública ou privada (com ou sem fins lucrativos) que irá receber a aplicação da pesquisa conforme Anexo IV constante neste edital.
  •  2 cartas de recomendação de professores doutores, informando o CPF e em que Instituição o professor encontra-se vinculado.
  • Cópia do Currículo Lattes. O candidato deverá ter seu currículo obrigatoriamente cadastrado na Plataforma Lattes do CNPq.

 

- IX - COMITÊ DA CÁTEDRA

Prof. Dr. Elzo Alves Aranha ¿ Coordenador do Comitê da Cátedra, Coordenador do Grupo de Trabalho de Educação Empreendedora em Engenharia da ABENGE e Professor do Instituto de Engenharia de Produção e Gestão - Universidade Federal de Itajubá - UNIFEI

Prof. Dr. Gilmar Barreto ¿ Vice-Coordenador da Comitê da Cátedra - Associação Brasileira de Educação em Engenharia ¿ ABENGE e Prof. da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP

Prof Dr. Jorge Cândido -  Vice-Coordenador do Grupo de Trabalho de Educação Empreendedora em Engenharia da Associação Brasileira de Educação em Engenharia ¿ ABENGE e Prof. da Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UFTPR

Prof.Dr. Luiz Eugênio Veneziani Pasin - Instituto de Engenharia de Produção e Gestão -Universidade Federal de Itajubá - UNIFEI

 

 

 

 

 


O Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD) lançou dois novos programas para a criação de oito centros globais de pesquisa interdisciplinar destinados a enfrentar dois grandes desafios globais. Quatro centros conduzirão pesquisas sobre Saúde e Prevenção de Pandemias, enquanto os outros quatro se debruçarão sobre Clima e Meio Ambiente.

Todos eles serão instalados em países emergentes e em desenvolvimento e viabilizados por acordos de cooperação entre uma instituição de ensino superior alemã e uma ou mais instituições no país parceiro. As instituições têm até o dia 19 de novembro para manifestar interesse.

O Ministério das Relações Exteriores da Alemanha (AA) destinará cerca de 22 milhões de euros até 2025 para o estabelecimento dos centros. Podem se inscrever nas chamadas instituições de ensino superior alemãs dispostas a estabelecer um dos centros e trabalhar em estreita colaboração também com outras organizações alemãs e internacionais. Os centros receberão financiamento de 600.000 euros por ano, inicialmente até 2025, mas com possibilidade de extensão até 2030.

Variadas formas de fomento à pesquisa estão disponíveis para as instituições de ensino superior interessadas no estabelecimento dos centros globais: desde formatos de intercâmbio digital na pesquisa e no ensino, passando pelo desenvolvimento de programas de estudos e bolsas de estudos, até a criação de cátedras para professores convidados.

"Crises globais exigem colaboração global"
O presidente do DAAD, Prof Dr. Joybrato Mukherjee, explica a relevância dos novos programas de fomento: "Como a pandemia do coronavírus nos mostrou, as crises globais exigem colaboração global. Isso se aplica tanto à pesquisa em saúde - na busca atual por agentes terapêuticos e vacinas para combater uma pandemia ¿ quanto ao enorme desafio das mudanças climáticas e suas consequências. Ao estabelecer esses novos centros de pesquisa em clima e saúde, nosso objetivo é dar uma contribuição adicional para intensificar a cooperação internacional".

Veja o release para a imprensa sobre os dois novos programas de fomento divulgado pelo DAAD (em alemão e em inglês).

Centros Globais de Pesquisa em Saúde e Prevenção de Pandemias
Esses quatro centros de pesquisa deverão se concentrar na prevenção e tratamento de doenças infecciosas. O objetivo é expandir e melhorar os mecanismos de prevenção, tratamento e resposta em questões de saúde e pandemias. Para isso, esses centros trabalharão em estreita colaboração com autoridades nacionais e internacionais de controle de doenças e com as instituições de pesquisa não universitárias, bem como com a indústria de tecnologia farmacêutica e médica.

Centros Globais de Pesquisa em Clima e Meio Ambiente
Já os quatro centros voltados para o meio ambiente cobrirão perspectivas da pesquisa aplicada e transnacional para trabalhar questões como a redução de gases do efeito estufa, a promoção de uma economia que beneficie o clima e a adaptação às consequências das alterações climáticas. Além da pesquisa climática, será papel dos centros envolver disciplinas como engenharia, ciências naturais e sociais para abordar as questões relativas ao clima e ao meio ambiente.

Nos dois casos, fatores importantes para a formação de potenciais centros são: uma abordagem interdisciplinar, uma forte rede internacional nos diferentes continentes e o intercâmbio estreito entre ciência, política, negócios e sociedade civil, de forma a garantir que novas descobertas sejam colocadas em prática.

O processo seletivo será feito em duas etapas. As instituições de ensino superior alemãs podem apresentar inicialmente uma manifestação de interesse com um esboço do projeto até 19 de novembro. Logo após um evento para pré-seleção e networking em meados de dezembro, as instituições poderão submeter as candidaturas até 23 de fevereiro de 2021.

Mais informações sobre cada programa de centros globais:

Saúde e Prevenção de Pandemias: edital em alemão e em inglês
Clima e Meio Ambiente: edital em alemão e em inglês

Fonte: DAAD


O 2020 IEEE EDS South Brazil Chapter Webinar on Micro & Nanodevices acontece entre os dias 13 e 29 de outubro. O evento é gratuito  e será composto por 5 palestras (1 hora cada, 1 palestra por dia) de renomados pesquisadores na área de micro/nanoeletrônica. Será fornecido certificado de participação aos que solicitarem.

Todas as apresentações podem ser vistas pelo canal do youtube abaixo:

Link to the youtube channel for each day: https://youtube.com/channel/UCejDJawSk2kKOveZ6bwzFIg

Para se inscrever, acesse o link:  https://forms.gle/YvMALun2b45F8TAC6

Cronograma:

Cor Claeys, KULeuven, Belgium   

Tittle: Electron Devices Evolution: Past-Present-Future

Date: October 13th, 2020 at 11:00 AM (Brazilian time: UTC-3)

Durga Misra, NJIT, USA 

Title: Dielectric Science on Today´s Devices

Date: October 15th ,2020 at 11:00 AM (Brazilian time: UTC-3)

Adelmo Ortiz-Conde,  Universidad Simón Bolívar, Venezuela

Title: Electrical Characterization: From Micro to Nano era

Date: October 22th ,2020 at 11:00 AM (Brazilian time: UTC-3)

Bertrand Parvais, IMEC, Belgium

Title: Advanced Transistors for High Frequency Applications

Date: October, 29th, at 11:00 AM (Brazilian time: UTC-3)

Khaled Nabil Salama, KAUST, Arabia Saudita

Title: Biosensors and Bioelectronics

Date: TBD